sábado, 21 de setembro de 2013

[RESENHA] Inferno - Dan Brown

Considero o autor Dan Brown praticamente uma marca literária. Basta o autor se pronunciar para o lançamento de algum livro novo e as pessoas — fãs e adoradores — ficam animadas para mais uma nova — e polêmica  aventura. Particularmente, o último livro do autor que li me decepcionou. Eu realmente esperava uma história muito melhor. Ao saber do lançamento de "Inferno", inevitavelmente fiquei animado. Mas infelizmente, não me surpreendeu e nem me agradou totalmente. Sim, decepcionei-me novamente com o autor. 

Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580411522
Ano: 2013
Páginas: 448

Nota: (3/5)
Neste fascinante thriller, Dan Brown retoma a mistura magistral de história, arte, códigos e símbolos que o consagrou em "O Código Da Vinci", "Anjos e Demônios" e "O Símbolo Perdido" e faz de Inferno sua aposta mais alta até o momento. No coração da Itália, Robert Langdon, o professor de Simbologia de Harvard, é arrastado para um mundo angustiante centrado numa das obras literárias mais duradouras e misteriosas da história: O Inferno, de Dante Alighieri. Numa corrida contra o tempo, ele luta contra um adversário assustador e enfrenta um enigma engenhoso que o leva para uma clássica paisagem de arte, passagens secretas e ciência futurística. Tendo como pano de fundo poema de Dante, e mergulha numa caçada frenética para encontrar respostas e decidir em quem confiar, antes que o mundo que conhecemos seja destruído.

Inicialmente, Robert Langdon acorda em um hospital, localizado em Florença, na Itália e não tem a mínima noção de como foi parar ali. Porém, ele não fazia ideia de como saíra de Massachusetts, nos Estados Unidos. Nada faz sentido. Lembrar-se de algo se torna difícil e fica ainda mais complicado, quando uma pessoa invade o hospital onde está, querendo matá-lo a todo custo.

Tudo não faz o mínimo sentido para ele. Porém, graças à médica Sienna Brooks, ambos conseguem fugir do hospital e vão para a casa dela. Langdon não se lembra de nada; ele precisa de respostas o mais rápido possível. Para isso, ele conta com a ajuda de Sienna e aos poucos, algumas coisas vão sendo esclarecidas.  


Duas organizações mundiais estão em busca e possuem objetivos similares: desvendar o Infernode Dante — escritor da famosíssima obra "A Divina Comédia"


"[...] Não tenho dúvidas de que entende que a superpopulação é uma questão de saúde pública. Mas temo que não compreenda que ela vai afetar a própria alma humana. Quando submetidos ao estresse da superpopulação, aqueles que nunca cogitaram roubar se tornarão ladrões para alimentar suas famílias. Aqueles que nunca cogitaram matar se tornarão assassinos para sustentar seus filhos. Todos os pecados mortais retratados por Dante começarão a vir à tona. Avareza, gula, deslealdade, assassinato, etc., todos se espalharão entre a humanidade, amplificados pelo fim de nossos confortos. Estamos enfrentando uma batalha pela própria alma do ser humano."


Eu realmente não sei se quero ler outros livros do Dan Brown. “Inferno” foi o quarto livro do autor que eu tive a oportunidade de ler e mais uma vez me decepcionei. A impressão que eu tive, ao concluir a leitura deste livro, foi que o Brown não está mais escrevendo boas e interessantes histórias como aconteceu em “O Código da Vinci” e “Anjos e Demônios”.

O protagonista Robert Langdon não me surpreendeu como nos outros livros. Nos livros anteriores, além de ser muito inteligente, ele possuía determinação. Era palpável e satisfatório acompanhá-lo em suas descobertas e buscas. Neste livro, senti falta disso na personagem durante boa parte da história, tornando-a comum e em alguns momentos, desinteressante.

A construção do enredo foi demasiadamente previsível. Inicialmente, a história é desenvolvida de forma instigante e satisfatória, admito. Porém, em um determinado momento importante, eu já tinha de noção de tudo o que aconteceria. E não estava errado. Embora em poucos momentos eu tenha me surpreendido com determinados acontecimentos, previsibilidade sempre me incomoda.

E eu até então, pergunto-me: haverá continuação para “Inferno”? Não sou um leitor que detesta finais abertos. Muito pelo contrário. Há livros que até se tornam melhores por possuir finais assim. Mas o final deste livro me deixou insatisfeito. Esperava um desfecho interessante, até porque a história exigia isso. No entanto, não foi o que aconteceu e eu concluí a leitura frustrado.

Concluindo, foi uma leitura regular. Poderia ter sido muito melhor, mas infelizmente não foi. A narrativa do Brown continua satisfatória e ao menos isso, deixou-me satisfeito. As referências e a compreensão por parte do protagonista sobre o universo criado por Dante é incrível. E as descrições dos lugares onde a história acontece é maravilhosa, rica em detalhes e concisa, tornando a leitura palpável. Enfim, caso tenha curiosidade, aconselho-te a ler sem grandes pretensões. A leitura poderá te agradar bem mais.

FICA A DICA!


26 comentários:

  1. Pois é Leandro, eu não quis ler nenhum outro livro depois de Código da Vinci e as pesoas tem uma obsessão por isto, não sei se de certa forma pela história ou pela onda da influência, pois muitos nem entendem o que leem, né?
    Mas é bem isso, às vezes as coisas se tornam somente mais do mesmo!

    Abraços,
    Greice Negrini

    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  2. Poxa Leandro que chato, mas um livro que vc leu e não te agradou =/
    Confesso que já li três livros do autor e gostei, mas enfim foi bom saber sua opinião.
    Desejo melhores leituras no futuro \o/

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  3. Que pena que você não gostou tanto, Leandro. Esse não é o melhor livro do autor, mas no geral eu curti muito a leitura, principalmente quando ganhava uma ligação tão grande com a história de Dante. Acho que as polêmicas em "O Código da Vinci" e "Anjos e Demônios" são muito mais interessantes, talvez por isso nem todos gostem dos demais livros do autor.
    De qualquer forma, Dan Brown é um dos meus autores favoritos e por isso já estou esperando pelos próximos livros da série. O grande problema, para mim, é que faltam vários e são necessários vários anos na escrita de cada livro :/

    Abraços!
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Leandro, estou com esse livro parado aqui, vi tantas resenhas dizendo que não é tão bom que sempre vou passando ele para o final da lista.
    Gostei de saber sua opinião.
    Beijos

    Relíquias
    http://reliquiasaline.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Sera que eu sou a única pessoa nesse mundo que não gosta de Dan Brown? rsrsrsr
    Tentei ler Código da 20 e desisti!
    Não tenho a miníma vontade de ler Inferno, ainda mais depois de sua resenha.

    David - Leitor Compulsivo

    ResponderExcluir
  6. Ah, eu gostei do livro. Sua nota foi baixinha, rs.
    Eu e meu noivo estamos realizando um Book Tour do livro dele, caso tenha interesse em resenhar o livro, acesse o site e se inscreva: http://www.omundosobomeuolhar.com.br/
    M&N | Desbrava(dores) de Livros

    ResponderExcluir
  7. Senti um pouco de decepção ai, kkkk
    Quero ler Inferno, com certeza. Como você mesmo citou, há muito conteúdo nos livros do Dan Brown, e só por isso vale a pena Lê-los!
    Gostei da história no geral!

    Já estou seguindo o blog!
    Beijos,
    Le Lançanova
    Palácio de Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi Lê! Robert não estava com aquele pique todo, achei que ele estava bem quieto, a trama em si foi boa, mas não concordei com o final, teve muita impunidade ali. Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  9. Oi Leandro,
    Primeira resenha que leio, mas conheço pessoas que leram o livro e falam bem.
    Uma pena que não te agradou, as vezes acontece comigo também essa coisa de não gosta de já sabemos que vai acontecer, sempre gosto quando o livro nos surpreende.
    Ótima resenha.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  10. Olá Leandro.Poxa,por isto é bom escutar mais opiniões...as que li não falava destes fatos,mas concordo porque os melhores que li dele foram Anjos e demônios e o código da vinci ^^...mas mesmo assim gosto do autor.
    Também não sou fã de uma história que tenha este desfecho "aberto",ainda mais uma história do Dan.
    Eu gostei muito da resenha.

    Abraços.
    Tamires C.
    http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Vixi...se decepcionou! Eita...eu nunca li nada do autor, sabia? Mas quero muito para poder ter uma noção melhor da escrita dele. Poxa...esse livro está tão caro nas lojas que só jesus!
    Beijos!
    Paloma Viricio-Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  12. Oi,
    Eu li o livro e gostei bastante. Todos aqueles fatos históricos me atraem muito. O final teve impunidade sim, mas no geral eu adorei.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oie Lê =)

    Assim, não sou muito fã do Dan Brown. Tipo gostei de Anjos e Demônios, mas não achei O Código da Vinci aquilo tudo.

    Tenho curiosidade de ler esse livro, mas com certeza vou começar a leitura sem muitas expectativas.

    Ótima resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  14. Oi Leandro,
    acabei de ler Inferno e como você esperava mais do Dan Brown. Tenho todos os livros deles e o único que não li é Fortaleza Digital. Adoro a inteligência de Robert e sua memória fotográfica, mas também não consegui apreciar o livro em sua totalidade. Ainda pretendo fazer minha resenha sobre ele.Entretanto, diferente de você, eu penei no começo e adorei o final, principalmente "a praga". Achei fantástica a sacada do livro.
    Adorei sua resenha.
    Bjos!!!
    Andréia
    Sentimento nos Livros

    ResponderExcluir
  15. O autor é só sucesso. É questão de identidade, acredito. Eu li e gostei.
    Estou realizando o book tour do meu livro. Caso queira participar, se inscreva em O mundo sob o meu olhar. Mas corra, as inscrições vão até domingo.

    ResponderExcluir
  16. Nunca li um livro desse autor, mas Inferno despertou minha curiosidade.
    Adorei sua resenha, ficou muito boa.
    Resenha #112 - O Visconde Que Me Amava - Família Bridgerton - Livro 02 - Julia Quinn.
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Olá, Leandro!
    Nossa, "Inferno" foi um livro tão bem divulgado que pensei que seria uma das melhores obras do Brown - apesar de não ter lido ainda, não me parece maravilhosa e surpreendentemente ótima; a sua resenha não é a única que classificou o livro como regular... Apesar de tudo, muitos gostaram do livro e estou curiosa para lê-lo.
    Ótima resenha.
    Abraços,
    Karol.
    http://heykarol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Do Dan eu só li O código Da Vinci e, apesar de na época ter gostado da leitura, não senti vontade de ler mais nada do autor.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  19. Oi Leandro, como vai?
    Comprei esse livro de presente pro meu pai e ainda não peguei pra ler. Mas acho que as pessoas criam uma expectativa MUITO grande em cima de um livro (justamente por seu autor ser bom) e aí, você acaba se decepcionando. Sei muito bem como é, acho que todo leitor já passou por uma leitura assim.

    Abraços,
    Marinah | Blog Marinah Gattuso

    ResponderExcluir
  20. Puxa...
    Bem, eu estava tarado por esse livro. Mesmo. Primeiro que Dan Brown é, sem dúvidas, um dos autores mais falados (bem e mal-falados) da atualidade - de todos os tempos, pronto: sejamos precisos e verdadeiros. E o fato de ele tratar, finalmente, de desvendar mistérios e suspense baseando a trama em torno de uma obra literária clássica italiana (você não faz ideia do que a combinação dessas três palavras causam em mim...) como A Divina Comédia, de Dante... Bem, isso me fez simplesmente entrar em profundo amor pela obra antes mesmo de ler o livro.
    Mas você é um dos resenhistas mais sensatos que conheço, e eu acredito profundamente em você. Entendo seus pontos de vista; se estivesse em seu lugar, concordaria com, se não todos, a maioria deles. É ruim ver que um autor apenas "piora", que só vai em declive, já que o que esperamos de um escritor que gostamos é apenas seu crescimento e aprimoramento. Entendo você. Já tive uma decepção com um escritor que gostava e, bem, é até meio doloroso. aiushauhs Ou talvez eu apenas seja muito sentimental com livros e tudo o mais.
    Mas ainda assim eu quero mesmo ler esse livro. Mesmo MESMO. E realmente espero ter uma opinião diferente da sua, Leandro.
    Adorei a resenha e a opinião, meu bem. Você escreve divinamente bem, não tem nem o que discutir em relação a isso. ^^
    Beijãozão!

    Meu Outro Lado: http://mon-autre.blogspot.com.br/
    @brenomtorres
    E eu tô com o meu próprio Blog de volta também! Seria um prazer vê-lo você por lá. ^^
    O Contofadista: http://ocontofadista.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Coloco tantas expectativas em cima desse livro e vejo muitas resenhas com a opinião semelhante à sua. Uma pena que isso esteja acontecendo. Acredito que o Dan Brown precisa se reinventar pra reconquistar sua gama de leitores.

    Beijos,
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Depois que eu li o símbolo perdido e foi chato para caramba, me desanimei de ler esse aí
    bjs

    ResponderExcluir
  23. Leandro, você disse tudo que eu senti com essa leitura. Foi uma mesmice, um mais do mesmo. Esperava mais. Langdon está muito ultrapassado, já saturei dele. Tirando a ação e a aventura, não é nada demais.
    Abraços
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Oi, Leandro! :)
    Eu só li duas obras do autor - O código da Vinci e Ponto de Impacto - e embora eu tenha achado a primeira simplesmente fantástica, a segunda não foi das melhores - embora, eu tenha que admitir, o cara escreve MUITO bem.
    Já li resenhas de pessoas que amaram 'Inferno' e outras que não gostaram tanto, o que foi o seu caso. Confesso que eu estou curioso para ler o livro. E sabe, eu vou fazer como você disse: ler sem grandes expectativas. Deixar-me surpreender.
    Mas acho legal isso do Brown, criar cenários ricos em detalhes e quase palpáveis. :D
    Enfim, eu irei ler assim que surgir a oportunidade!

    Abs
    Ronaldo Gomes
    livrosobrelivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oi adorei sua resenha...mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem..busca.livrariasaraiva.com.br/saraiva/Reverso
    www.buqui.com.br/ebook/reverso-604408.html

    ResponderExcluir

Comente com moderação!